Autismo

em 1943, Leo Kanner, psiquiatra infantil, foi o primeiro a descrever o quadro do autismo e logo depois, em 1944, Hans Asperger. Notou - se que havia uma tendência desta desordem ser transmitida hereditariamente.

Infelizmente na Europa pós-guerra a pesquisa sobre o autismo tomou um caminho extremamente errado. Os especialistas diziam que as crianças não nasciam autistas, mas se tornavam autistas por conta de seus pais serem frios.

Hoje estudos mostram que o autismo é uma síndrome de etiologia orgânica, que os sintomas são causados por disfunções físicas do cérebro.
 
Cientistas acreditam que os componentes do autismo tendem a ser hereditários, geralmente pessoas com autismo possui parente próximo afetado por algum aspecto dessa desordem. Se um gêmeo idêntico tem autismo, há 60% de chance do outro também ter, e mais de 75% de chance do gêmeo sem autismo apresentar uma ou mais características autistas.

Crianças com autismo possuem grandes dificuldades de relacionar-se, demonstram prejuízo na área da imaginação pela ausência de brincadeiras de faz de conta. Ao invés de fingir que está em uma corrida com o seu carrinho de brinquedo pode passar horas girando as rodas desse carrinho fixamente.
A deficiência na comunicação desta criança é profunda não usando gestos ou expressões faciais para transmitir pensamentos e sentimentos. A linguagem é atrasada ou não se manifesta.

Normalmente possuem um repertório restrito de interesses, preferem realizar sempre as mesmas atividades, resiste a mudanças de rotina. A criança pode apresentar hiperatividade, déficit de atenção, desordens motoras, sensoriais e de percepção. Frequentemente aparece agressividade e automutilação, recusa para comer e dormir.

Não podemos esquecer que cada criança é única em termos de manifestação dos sintomas. Esses são alguns sintomas do autismo que pode manifestar-se até os 3 anos de idade e atinge mais meninos do que meninas.

O diagnóstico é feito por observação do comportamento pois ainda não existe um exame que detecte o autismo. Esse diagnóstico é feito pelos neurologistas, psiquiatras e psicólogos especializados nessa síndrome.

E o que pode ser feito por essas pessoas? Muito! Os profissionais do Centro Terapêutico Educacional Lumi acreditam que o diagnóstico e a avaliação são etapas primordiais. O objetivo não é conseguir encontrar traços que permitam situar determinadas crianças ou adultos dentro de uma das categorias em que se distribuem as deficiências, é muito mais abrangente, trata-se sem dúvida, de conhecer os perfis evolutivos dessa pessoa. Mas sua finalidade primordial é analisar suas potencialidades de desenvolvimento e de aprendizagem, avaliando ao mesmo tempo quais são os recursos educacionais que necessita.

A ação educacional deve ser antes de tudo sensível as diferenças individuais, precisa ser capaz de desenvolver seus processos de atuação de maneira a assegurar a cada indivíduo, com suas características próprias e peculiares, a possibilidade de desenvolver-se ao máximo.

Devemos ver cada criança como um ser humano único que possui uma história de vida, um modo de aprender e não como uma síndrome ou uma deficiência. Percebemos que as nossas crianças ou adultos com autismo necessitam de uma organização do meio físico e uma rotina previsível que possibilite um ambiente menos confuso, minimizando problemas de comportamento. Isto não quer dizer que a rotina será sempre a mesma, pelo contrário, é necessário preparar essa pessoa para a vida que é cheia de novidades e imprevistos, mas essa questão deve ser trabalhada com sensibilidade, não esquecendo da individualidade de cada um.

No trabalho com indivíduos com autismo a organização, a clareza e as instruções visuais são fundamentais. A linguagem visual é a mais compreendida por eles, por tanto fazendo uso desta linguagem podemos, ajudar a pessoa com autismo a lidar com as mudanças tornando-as mais flexíveis, elevando o nível de independência, além de auxiliar na redução de comportamentos agressivos.

Quanto mais precoce for o diagnóstico e o processo de intervenção, a criança terá uma qualidade de vida melhor.
 
RocketTheme Joomla Templates
Copyright © 2017 Centro Lumi. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por: OndaArt e Bumerangue.net.
xxx xxx xxx xxx xxx xxx